fbpx

Ecossistemas Digitais

Despertar Corações nas Redes Sociais

Um dos grandes desafios que enfrentamos quando trabalhamos a presença digital de uma empresa ou marca é como superar o baixo engajamento e conquistar a interatividade do público, nas redes sociais. 

Com certeza já se questionou sobre o porquê das suas redes sociais parecerem mais desertas que o Saara! De facto, o baixo engajamento nas redes sociais é um desafio que habitualmente enfrentamos, mas que não precisa de ser um enigma sem solução. Vamos lançar luzes sobre este problema e tentar decifrar o segredo para despertar os corações mais empedernidos nas redes sociais, e transformar a apatia em interatividade.

Imagine que as suas redes sociais são uma festa. Nós somos a organização da festa: preparamos tudo, mas quando chega a hora, ninguém está a dançar na pista, e a culpa não é do DJ. O engajamento – aquele cliché que ouvimos muitas vezes anglicizado: o engagement – quando é baixo pode ser frustrante. Parece que ninguém quer dançar na nossa festa. Mas antes de termos Panic at the Disco (não resistimos), vamos tentar desvendar algumas possíveis causas para isto.

  • O nosso conteúdo é monótono? Se o nosso conteúdo é tão interessante como ver tinta a secar, está na hora de reavaliar a nossa abordagem. Vamos reavaliar a nossa audiência, estudar os seus interesses, o que faz a audiência mexer, dançar?
  • Publicamos no momento certo? Uma publicação no momento errado pode significar que o nosso público-alvo está a perder as nossas mensagens.
  • Somos interativos? Se estamos só a falar e não a ouvir, se não interagimos com os utilizadores, as redes sociais vão ser um monólogo. E os utilizadores não gostam de monólogos.
  • Conhecemos verdadeiramente o nosso público? Se não conhecemos o nosso público, dificilmente teremos conteúdos adequados e que gerem interação.

 

Então, como podemos despertar o engajamento e colocar a nossa audiência a dançar connosco?

  • Criar Conteúdo Cativante: utilizar imagens vibrantes, vídeos cativantes, textos que façam os nossos seguidores sentir alguma coisa. Devemos mostrar a personalidade da nossa marca.
  • Escolher o Momento: descobrir quando o nosso público-alvo está mais ativo nas redes sociais e ajustar o nosso cronograma de publicações de acordo com essas alturas do dia, da semana, do mês. É importante também testar diferentes horários e conteúdos, para encontrar o momento ideal.
  • Conversar: falar e ouvir. Fazer perguntas, pedir opiniões, criar sondagens, responder aos comentários. Mostrar que estamos nas redes sociais para “socializar”, para conversar e não apenas para despejar informação.
  • Conhecer o público: criar personas de utilizador, bem detalhadas, ajuda a entender melhor quem são os nossos seguidores. Saber o que gostam, o que lhes dá motivação, como preferem interagir.
  • Despertar a Curiosidade: utilizar teasers, sondagens, quizzes, de forma a envolver o público. Fazer com que queiram participar em algo, para saber mais.

 

É claro que teremos sempre muito trabalho pela frente. Devemos sempre ter presentes as ferramentas de analítica das redes sociais, como o Facebook Insights e o Instagram Analytics. Efetuar pesquisa de palavras-chave de forma regular e descobrir as hashtags que estão em alta de forma a adaptar o nosso conteúdo ao que está a ser mais procurado. E porque é sempre importante saber gerir o nosso tempo, tomar todo proveito de ferramentas de agendamento para a publicação de conteúdos na altura certa. Através do Meta Business é possível o agendamento de publicações em Facebook e Instagram e ferramentas como o Buffer, permitem agendamento de publicações para diferentes redes sociais.

É também muito importante compreender as constantes alterações nos algoritmos e compreender como estes funcionam, para garantir que o nosso conteúdo seja, de facto, visto.

O outro lado da moeda!

Lembre-se que nem todo o engajamento será positivo. Temos que estar preparados para lidar com críticas de maneira construtiva e proativa. Por vezes, uma reação impulsiva a uma crítica ou um comentário menos abonatório pode levar a uma crise online que se pode estender a todo o ecossistema da nossa marca e causar danos irreparáveis na reputação da marca.

Resumidamente, aumentar o engajamento nas redes sociais não é uma tarefa fácil, mas com estratégias inteligentes e uma abordagem autêntica, é totalmente possível. Lembre-se: as redes sociais são uma via de dois sentidos. É necessário estar presente, ouvir o nosso público e criar um ambiente em que todos queiram participar. Venha falar connosco e vamos transformar a monotonia numa festa que ninguém quer perder e criar uma verdadeira comunidade de seguidores e clientes, através das suas redes sociais.

Continue a ler...

QUER SABER QUAL O SEU INVESTIMENTO?

Claro que compreendemos. É necessário saber qual o investimento necessário, para tudo isto acontecer. Responda a umas simples questões e receberá rapidamente uma estimativa do investimento necessário.
Garantimos que será menos do que espera!